Últimos assuntos
» Nossos Filhos nos Acusarão (legendado)
Dom 14 Abr 2013 - 14:16 por jerry

» UMA FAZENDA PARA O FUTURO
Qui 4 Abr 2013 - 20:30 por jerry

» Muito Além do Peso (2012)
Sab 16 Mar 2013 - 22:11 por jerry

» Quem se Importa (2012)
Seg 4 Fev 2013 - 22:52 por jerry

» Luto em Luta (2012)
Ter 22 Jan 2013 - 20:35 por jerry

»  The Suicide Tourist (2007)
Dom 15 Jul 2012 - 23:28 por jerry

» There's no Tomorrow
Sab 5 Maio 2012 - 22:47 por jerry

Votação

Para os que possuem TVs pagas: Você já aderiu ao sistema HD?

 
 
 
 
 

Exibir resultados


Serviço de entregas via bicicleta é opção para substituir motoboys em São Paulo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Serviço de entregas via bicicleta é opção para substituir motoboys em São Paulo

Mensagem por jerry em Qua 13 Abr 2011 - 18:42

Trocar os motores pelos pedais é uma boa alternativa para entregas de documentos e alimentos na cidade grande.


De acordo com dados do Departamento Estadual de Trânsito (Detran), o total de motos na cidade de São Paulo chega a quase 900 mil, o que representa 12,6% de todos os sete milhões de veículos da capital paulista. Boa parte dessas motocicletas é utilizada como ferramenta de trabalho no serviço de motofrete.

Para imaginar o impacto desse serviço na cidade, basta lembrar que São Paulo tem o maior número de motoboys do país: são cerca de 600 mil profissionais circulando diariamente. Segundo relatório da Companhia de Tecnologia de Saneamento Ambiental (Cetesb), as motocicletas emitem cerca de 28% mais poluentes por ano do que automóveis flex.

No entanto, uma boa alternativa para substituir esse serviço é substituir os motores pelos pedais, fazendo entregas “limpas”, com todos os equipamentos de segurança que uma pedalada segura exige.

"Só na cidade de São Paulo já existem 2500 cicloboys", afirma Gilberto Almeida dos Santos, presidente do SindimotoSP, em entrevista a Revista Quatro Rodas. Outra vantagem da bike seria a facilidade de estacionamento "No centro de São Paulo leva-se cerca de 40 minutos para estacionar a moto", complementa.

Segundo a SindimotoSP – que representa a categoria - o valor chega a ser 30% menor que o do motofrete por não haver gastos com combustível e pela manutenção da bicicleta ser mais em conta.

Diariamente, os bikeboys entregam alimentos em geral e documentos, mas apesar de ser uma boa opção para o solicitante, a cidade ainda não está preparada para receber os ciclistas.

São Paulo não possui um plano ciclo viário que integre as poucas ciclovias já existentes, porém, existe um projeto para a construção de 367 quilômetros de vias para as magrelas.

Fonte: Ciclo Vivo
avatar
jerry

Status : on
Masculino Mensagens : 93
Data de inscrição : 18/10/2010
Localização : São Paulo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Serviço de entregas via bicicleta é opção para substituir motoboys em São Paulo

Mensagem por Paulo em Qua 13 Abr 2011 - 19:33

Os motoboys já são estressados por terem que entregar documentos no prazo, disparam feito loucos, sem respeitar ninguém, e o pior, se reclamar com um deles, vem um monte em cima defender o colega. Agora imagina os bicicleteiros, vão invadir até calçadas...vamos ver o que vai dar...
avatar
Paulo
Administrador

Masculino Mensagens : 3616
Data de inscrição : 06/04/2009
Idade : 53
Localização : São Paulo

http://visaoemfoco.ativoforum.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum