Últimos assuntos
» Nossos Filhos nos Acusarão (legendado)
Dom 14 Abr 2013 - 14:16 por jerry

» UMA FAZENDA PARA O FUTURO
Qui 4 Abr 2013 - 20:30 por jerry

» Muito Além do Peso (2012)
Sab 16 Mar 2013 - 22:11 por jerry

» Quem se Importa (2012)
Seg 4 Fev 2013 - 22:52 por jerry

» Luto em Luta (2012)
Ter 22 Jan 2013 - 20:35 por jerry

»  The Suicide Tourist (2007)
Dom 15 Jul 2012 - 23:28 por jerry

» There's no Tomorrow
Sab 5 Maio 2012 - 22:47 por jerry

Votação

Para os que possuem TVs pagas: Você já aderiu ao sistema HD?

 
 
 
 
 

Exibir resultados


Tremor e tsunami matam ao menos 113 e deixam mais de 500 desaparecidos na Indonésia

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Tremor e tsunami matam ao menos 113 e deixam mais de 500 desaparecidos na Indonésia

Mensagem por Vânia em Ter 26 Out 2010 - 17:15


  • Mapa mostra localização do terremoto de magnitude 7,7 que atingiu a Indonésia, segundo o USGS


Pelo menos 113 pessoas morreram e mais de 500 são consideradas desaparecidas após um forte terremoto de magnitude 7,7 que afetou a costa oeste da Indonésia na segunda-feira (25), provocando ondas gigantes em várias ilhas, anunciou o serviço de emergências do país. Segundo a Agência Nacional de Gestão de Catástrofes, dez vilarejos foram varridos do mapa pelo tsunami. O número de mortos deve aumentar nas próximas horas.

O vulcão mais volátil da Indonésia, situado na ilha de Java, também começou a entrar em erupção nesta terça-feira (26), expelindo nuvens de cinzas e rochas quentes em três ocasiões.

O Serviço Geológico dos Estados Unidos (USGS), que vigia a atividade sísmica no mundo todo, informou que o terremoto ocorreu às 21h42 de ontem (no horário local, 14h42 GMT), nas ilhas Mentawai, a cerca de 14,2 quilômetros de profundidade. O epicentro se localizou 149 quilômetros ao sul de Padang, em Sumatra. O arquipélago é um destino turístico bastante popular, especialmente para os amantes do surf.

Várias réplicas de magnitude de até 6,1 e 6,2 foram registradas durante a madrugada. Os serviços de emergência indicaram que mais de 150 casas da região foram destruídas e pelo menos 2.000 pessoas tiveram de ser hospedadas em abrigos temporários.

O alerta de ondas gigantes foi lançado depois de registrado o terremoto. Pouco depois, um grupo de turistas australianos informou que o barco em que estavam foi destruído por "uma parede de água branca" que chegou até a costa. O "tsunami significativo" foi confirmado pelo Centro de Alerta de Tsunami do Pacífico. O diretor da ONG SurfAid International, Andrew Judge, disse que as equipes estão buscando o barco usado pelos australianos. Nove turistas estariam na embarcação. Ainda não houve contato. "Enviamos um barco e um avião no resgate", ressaltou.

O responsável pelo centro de crises do Ministério indonésio da Saúde, o médico Mudjiharto, afirmou que foram registradas ondas de até três metros na ilha de Pagai Sul. De acordo com ele, dois mortos foram encontrados na ilha de Sipora e "várias pessoas estão desaparecidas no povoado de Bosua".

Em Muntei, 80% das casas sofreram danos e cerca de 3.000 pessoas foram procurar abrigo em acampamentos de emergência. Tripulações de vários navios também continuam desaparecidos no Oceano Índico.


  • Famílias abandonam suas casas em Padang depois do terremoto que atingiu a Indonésia

Hardimansyah, um alto funcionário da regional do Departamento de Pesca, contou que a maioria das edificações no vilarejo costeiro de Betu Monga vieram abaixo. "Dos 200 moradores do vilarejo, somente 40 foram encontrados. Ainda há desaparecidos, na maioria mulheres e crianças", disse ele à Reuters, por telefone. "O setor de segurança daqui ouviu pessoas dizendo que não puderam segurar seus filhos, que eles foram arrastados. Uma porção de gente chorando."

Hardimansyah disse ainda que em Malakopa, um outro vilarejo próximo, foi confirmada pelo menos uma morte e duas pessoas estão desaparecidas. Ele afirmou que 80% das casas na área foram danificadas e há poucas reservas de alimentos.

"Nós jogamos tudo que podíamos que flutuava --pranchas de surf, madeiras-- e então pulamos na água", disse o morador Rick Hallet. "Felizmente, a maioria de nós tinha alguma coisa para se segurar. Ficamos nas árvores mais altas por uma hora e meia até que nos encontraram." "Todo mundo estava correndo para fora de suas casas", disse Sofyan Alawi, acrescentando que as estradas que levavam às colinas foram rapidamente congestionadas com milhares de carros e motos.

"Nós continuamos olhando para trás para ver se uma onda estava vindo", disse outra moradora, Ade Syahputra.

Histórico
A Indonésia está no chamado "cinturão de fogo" do Oceano Pacífico, onde o choque das placas continentais provoca uma forte atividade vulcânica e frequentes tremores de terra (cerca de 7.000 por ano). A maioria deles tem pouca potência e passa despercebida pela população.

Em dezembro de 2004, um terremoto de magnitude 9,1 atingiu a ilha de Sumatra, provocando o devastador tsunami e levando à destruição de localidades em vários países banhados pelo Oceano Índico, com um resultado de mais de 226 mil mortos.

Há um ano, a cidade de Padang sofreu um terremoto de magnitude 7,6, que matou pelo menos 700 pessoas e danificou 180 mil casas.

Em junho, um sismo de magnitude 7,1 matou 17 pessoas e deixou milhares de danos na costa norte de Papua.

Não há registro de brasileiros, diz embaixada

A Embaixada do Brasil em Jacarta, capital da Indonésia, informou que não registra, até o momento, brasileiros mortos ou desaparecidos. Também não há informações sobre brasileiros morando na área atingida pelo tsunami, e a embaixada não foi procurada por nenhum parente de possíveis vítimas. Como a época é de muita chuva na região, o movimento de surfistas nas ilhas é pequeno, o que reduz a chance de turistas entre desaparecidos.

UOL/Notícias

_________________
Quando você se sentir sozinho, pegue o seu lápis e escreva. No degrau de uma escada, à beira de uma janela, no chão do seu quarto. Escreva no ar, com o dedo na água, na parede que separa o olhar vazio do outro. Recolha a lágrima a tempo, antes que ela atravesse o sorriso e vá pingar pelo queixo. E quando a ponta dos dedos estiverem úmidas, pegue as palavras que lhe fizeram companhia e comece a lavar o escuro da noite, tanto, tanto, tanto… até que amanheça.

Rita Apoena
avatar
Vânia
Administradora

Feminino Mensagens : 4027
Data de inscrição : 07/04/2009
Idade : 52
Localização : São Paulo

http://visaoemfoco.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum